• Vale a pena comprar móveis usados?

    vale pena comprar moveis usados Vale a pena comprar móveis usados?Em tempos ecologicamente corretos, está em alta adquirir móveis usados para decorar os ambientes. Trata-se de uma ótima opção para quem pretende montar ou reformar a casa, mas está com o orçamento apertado.

    Inicialmente a tarefa de garimpar para comprar um móvel pode ser trabalhoso, entretanto, com paciência é possível fazer bons achados comprando móveis de qualidade, e o melhor, com preços que chegam a metade se comparados com artigos novos.

    Em todo o Brasil, existem inúmeras lojas de móveis e eletrodomésticos usados, que normalmente costumam receber mercadorias de pessoas que vão se mudar e não têm como levar toda a mobília por diversos motivos, como por exemplo, a mudança para uma casa menor ou para o exterior.

    No caso dos quartos de bebês e crianças, também é possível encontrar os móveis principais como berços, cômodas, poltronas para amamentação, guarda-roupas, e outros, a preços convidativos. Em alguns casos, é possível encontrar alguns artigos ainda na garantia, pois normalmente os fabricantes oferecem uma garantia de três anos.

    Para fazer uma boa compra, é preciso prestar atenção nas seguintes dicas:

    – Se for possível, procure conferir a procedência do móvel;

    – Verifique se a madeira possui pequenos furos, pois isso pode significar a presença de cupins;

    – Outra dica para descobrir se existem cupins no móvel é dar pancadas leves. Caso caia uma poeira na cor da madeira, é um indício de que existem insetos em seu interior;

    – Escolha estofados com tecido seminovo ou que tenha sido trocado há pouco tempo. Isso evita problemas futuros com fungos e ácaros;

    – Confira se os móveis apresentam defeitos, como partes danificadas e rachaduras;

    – Arranhões em cômodas e mesas podem ser disfarçados por toalhas e vasos. Aplicar espelhos, pintar e lixar também podem esconder essas imperfeições, mas tome cuidado para não danificar o objeto;

    – Veja se os móveis estão sem regulagem ou bambos. No caso das cadeiras, procure sentar nelas para conferir sua resistência;

    – No caso de poltronas com revestimento em tecido, pressione levemente com a mão, para conferir se o material não rasga.

    Se você conhecer um marceneiro de confiança, solicite a ele para que te acompanhe quando for visitar as lojas. Dessa forma, lhe orientará a respeito da qualidade da madeira dos móveis à venda.

    Artigo escrito por Selma Isis

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *